Eventos   Notícias   Calendário   Clubes   Jogadores   Partidas   Ligações   Sobre nós   en castellano in English
2019-08-21, 14:58
Notícias
Taça Luís Cabral congrega jogador açorianos16-Dez-2009
Realizou-se a 12 de Dezembro na Universidade dos Açores a 2ª Edição da Taça Luis Cabral em Xadrez. A Taça Luís Cabral, ou memorial Luís Cabral, é uma competição organizada pela Associação de Xadrez da Região Autónoma dos Açores, AXRAA, aberta a jogadores federados e não federados. A AXRAA pretende, com este evento, prestar uma homenagem ao Sr. Luís Cabral, na figura do praticante e dirigente, e como reconhecimento do contributo inestimável prestado ao fomento da prática desportiva nos Açores e em particular da modalidade do xadrez.
A edição de 2009 serviu, para além de uma oportunidade competitiva em início de época e para o convívio desportivo, para definir o apuramento da equipa representante dos Açores no Campeonato Nacional de Semi-rápidas de equipas que se realizará em Janeiro, na Marinha Grande, com despesas de deslocação (passagens aéreas), a serem suportadas pela AXRAA, no sistema de reembolso.
Luís Soares vs. Jorge Frade

Luís Soares vs. Jorge Frade

A participação de 16 jogadores de três clubes diferentes ficou aquém das expectativas, pela data ter coincidido com as reuniões de avaliação nas Escolas Secundárias, e assim muitos Clubes Desportivos Escolares não puderam participar. A maioria dos jogadores de topo marcou presença, e portanto não faltou qualidade e competição, como demonstra o ELO (ranking) dos participantes. Participaram oito jogadores da Associação Académica da Universidade dos Açores, AAUA, três jogadores do Clube Operário Desportivo, COD, e quatro jovens e seu professor do Clube Desportivo da Ribeira Grande.
O vencedor indiscutível foi Array da AAUA (24 anos de idade) ao conseguir o pleno de vitórias. Mais uma vez se confirma o bom momento de forma de Luis Soares sendo “provavelmente” já um dos melhores jogadores açorianos da actualidade, ainda com grande potencial e margem de progressão atendendo á sua juventude. Luis Soares foi o 2º classificado no Campeonato Regional e posteriormente obteve uma excelente classificação no Campeonato Nacional (15º da fase preliminar) sendo actualmente o jogador açoreano com ELO FIDE (ranking internacional) mais elevado, 2007. Array também da AAUA (24 anos de idade) classificou-se em 2º lugar com apenas uma derrota. Em 3º e 4º lugar, com os mesmos pontos, classificaram-se José Guerra do COD e Afonso Fernandes da AAUA. José Guerra é um valor seguro do Xadrez açoreano, mantendo-se sempre no pódio da liderança à longos anos consecutivos. Afonso Fernandes foi o jogador revelação, com apenas 15 anos de idade.
José Guerra vs. Afonso Fernandes

José Guerra vs. Afonso Fernandes

Tal como no Xadrez Nacional em que o Campeão Absoluto é o jovem Rúben Pereira com 18 anos (vice-campeão mundial de Sub-16 em 2007) também nos Açores a juventude dos jogadores é uma garantia de que o Xadrez está no bom caminho e que no futuro só pode melhorar.
Mas ainda há um longo caminho a percorrer até que o Xadrez seja uma opção no Ensino Básico e os Clubes Desportivos Escolares deixem de ser fruto de muito trabalho, dedicação e “carolice” da Associação de Xadrez dos jogadores e de alguns professores que a título individual teimam em remar contra a maré. Até lá, as estatísticas oficiais vão continuar a melhorar ao ritmo da mudança dos ministros da Educação, mas os nossos filhos vão continuar a ter médias negativas em matemática e outras disciplinas fundamentais.
Que tal um pouco mais de rigor e disciplina, em que o Xadrez é um exemplo por excelência? Fica aqui o desafio para as entidades competentes, Autarquias locais, e Escolas do ensino público e privado.
Realizou-se a 12 de Dezembro na Universidade dos Açores a 2ª Edição da Taça Luis Cabral em Xadrez. A Taça Luís Cabral, ou memorial Luís Cabral, é uma competição organizada pela Associação de Xadrez da Região Autónoma dos Açores, AXRAA, aberta a jogadores federados e não federados. A AXRAA pretende, com este evento, prestar uma homenagem ao Sr. Luís Cabral, na figura do praticante e dirigente, e como reconhecimento do contributo inestimável prestado ao fomento da prática desportiva nos Açores e em particular da modalidade do xadrez.
A edição de 2009 serviu, para além de uma oportunidade competitiva em início de época e para o convívio desportivo, para definir o apuramento da equipa representante dos Açores no Campeonato Nacional de Semi-rápidas de equipas que se realizará em Janeiro, na Marinha Grande, com despesas de deslocação (passagens aéreas), a serem suportadas pela AXRAA, no sistema de reembolso.
Luís Soares vs. Jorge Frade

Luís Soares vs. Jorge Frade

A participação de 16 jogadores de três clubes diferentes ficou aquém das expectativas, pela data ter coincidido com as reuniões de avaliação nas Escolas Secundárias, e assim muitos Clubes Desportivos Escolares não puderam participar. A maioria dos jogadores de topo marcou presença, e portanto não faltou qualidade e competição, como demonstra o ELO (ranking) dos participantes. Participaram oito jogadores da Associação Académica da Universidade dos Açores, AAUA, três jogadores do Clube Operário Desportivo, COD, e quatro jovens e seu professor do Clube Desportivo da Ribeira Grande.
O vencedor indiscutível foi Array da AAUA (24 anos de idade) ao conseguir o pleno de vitórias. Mais uma vez se confirma o bom momento de forma de Luis Soares sendo “provavelmente” já um dos melhores jogadores açorianos da actualidade, ainda com grande potencial e margem de progressão atendendo á sua juventude. Luis Soares foi o 2º classificado no Campeonato Regional e posteriormente obteve uma excelente classificação no Campeonato Nacional (15º da fase preliminar) sendo actualmente o jogador açoreano com ELO FIDE (ranking internacional) mais elevado, 2007. Array também da AAUA (24 anos de idade) classificou-se em 2º lugar com apenas uma derrota. Em 3º e 4º lugar, com os mesmos pontos, classificaram-se José Guerra do COD e Afonso Fernandes da AAUA. José Guerra é um valor seguro do Xadrez açoreano, mantendo-se sempre no pódio da liderança à longos anos consecutivos. Afonso Fernandes foi o jogador revelação, com apenas 15 anos de idade.
José Guerra vs. Afonso Fernandes

José Guerra vs. Afonso Fernandes

Tal como no Xadrez Nacional em que o Campeão Absoluto é o jovem Rúben Pereira com 18 anos (vice-campeão mundial de Sub-16 em 2007) também nos Açores a juventude dos jogadores é uma garantia de que o Xadrez está no bom caminho e que no futuro só pode melhorar.
Mas ainda há um longo caminho a percorrer até que o Xadrez seja uma opção no Ensino Básico e os Clubes Desportivos Escolares deixem de ser fruto de muito trabalho, dedicação e “carolice” da Associação de Xadrez dos jogadores e de alguns professores que a título individual teimam em remar contra a maré. Até lá, as estatísticas oficiais vão continuar a melhorar ao ritmo da mudança dos ministros da Educação, mas os nossos filhos vão continuar a ter médias negativas em matemática e outras disciplinas fundamentais.
Que tal um pouco mais de rigor e disciplina, em que o Xadrez é um exemplo por excelência? Fica aqui o desafio para as entidades competentes, Autarquias locais, e Escolas do ensino público e privado.

Taça Luís Cabral
1.ArrayAAUA7
2.ArrayAAUA6
3.ArrayCOD
4.ArrayAAUA
5.ArrayCOD4
6.ArrayCOD4
7.ArrayAAUA4



Agradecemos a Array, a quem pertencem as opiniões acima expressas, o envio desta notícia.

por xadrez64.com

 Informação sobre o evento


Procurar notícias:        
1 
 Resultados
CRF Açores Rap.   
   Daniela Sousa Oliveira
   Márcia Machado
   Sofia Cymbron
CRF Açores SR   
   Victoria Cymbron
   Márcia Machado
   Daniela Sousa Oliveira

 Bloco-notas

Calculadora de ELO
Criar diagramas

Nacional
mais eventos...
Internacional


Top 10 nacional
 1. Jorge Ferreira - 2521
 2. Luís Galego - 2506
 3. Rúben Pereira - 2448
 4. David Martins - 2427
 5. Rui Dâmaso - 2417
 6. António Vítor - 2389
 7. António Fernandes - 2378
 8. Luís Neves da Silva - 2373
 9. André Ventura Sousa - 2362
 10. Sérgio Rocha - 2353
top feminino / jovem / veteranos

Problemas do dia

Selo da semana
clique em mim para me ver em ponto grande
selos anteriores...